Me olhando de frente

20/12/2013

 

 

Estava para tirar fotos praticando Yoga para mostrar como me encontro no presente.

Vários quilos acima do peso normal, corpo duro, inflexível e muito dolorido, músculos flácidos por conta da falta de exercícios mais fortes e da quantidade de cortisona que tomei, cabelos crescendo com cachos incontroláveis, pele sensível e manchada pelos efeitos da quimioterapia.

Volto a ser uma iniciante, e sinto que é bem mais difícil iniciar aos quarenta anos do que iniciar aos dezoito anos, quando fiz minha primeira aula.

Mesmo com a auto estima baixa, enfrentei os sentimentos que me pediam para não tirar as fotos e fui. Minha querida tia Ro, com sensibilidade, humor e um olhar especial, tirou lindas fotos, mesmo num dia nublado.

Estas fotos têm como objetivo maior incentivar pessoas a praticar Yoga, mesmo que façam apenas pequenos movimentos, pequenos alongamentos, rotações das articulações, mesmo que seja só respirar, mesmo que seja somente ficar consigo por alguns minutos.

 

Estas fotos têm como objetivo ainda maior, mostrar que câncer têm cura, que o tratamento é difícil porém é possível. Que a quimioterapia deve que entrar no corpo, fazer seu papel, e nós não pacientes, mas conscientes do processo devemos ajudá-la a sair do corpo. Os exercícios do Yoga são uma excelente opção de apoio a cura. Ao fazer quimioterapia, pratique Yoga.

 

 

 

 

 

 

 

Please reload

Destaque

Os Yamas da Vida

29/08/2014

1/5
Please reload

Recentes